Engenharia da Segurança do Trabalho

COMEÇO:
setembro
INSTITUIÇÃO DE ENSINO:
ISLA Santarém
ID:
LC
CREDITOS:
180

Instituições de Ensino:

Endereço

Largo Cândido dos Reis, 2000-241 Santarém   Ver mapa

Categorias

Licenciatura

Apresentação

O domínio da segurança no trabalho tem ganho importância crescente em função da velocidade de evolução, quer das tecnologias implementadas nas organizações, quer da própria organização das empresas. O curso de Engenharia da Segurança do Trabalho adota um modelo de formação técnica e científica que permite aos futuros licenciados corresponder às necessidades das organizações modernas onde se privilegia a cultura preventiva face aos riscos.

Assim, o curso de Engenharia da Segurança no Trabalho visa formar pessoas com capacidade de intervenção ativa nas políticas de segurança, no desenvolvimento de planos e programas de prevenção, na implementação de formação e na criação de modelos de informação, bem como na identificação de perigos e na avaliação e controlo de riscos, associados às atividades empresariais.

 

Objetivos

A licenciatura em Engenharia da Segurança do Trabalho tem por objetivo formar diplomados/as com as seguintes competências:

  • Aplicar os princípios, modelos e técnicas de planeamento à organização do sistema gestão da prevenção de riscos e à elaboração do plano de prevenção de riscos profissionais;
  • Identificar as situações que exigem a elaboração de planos específicos de prevenção e de proteção;
  • Utilizar os métodos e as técnicas adequadas à avaliação dos riscos associadas às condições de segurança e higiene no trabalho, aos fatores ergonómicos e psicossociais e à organização do trabalho;
  • Aplicar técnicas de concepção de programas e de elaboração de conteúdos de formação e de sensibilização;
  • Identificar nos diversos setores da empresa os dados necessários à gestão do sistema de prevenção.

 

Saídas Profissionais

Os licenciados em Engenharia da Segurança do Trabalho serão capazes de desempenhar um leque vasto de funções de onde se destacam:

  • Auditor Coordenador de Segurança do Trabalho;
  • Inspetor do Trabalho;
  • Quadro de comando de Corpos de Bombeiros;
  • Responsável por sistemas de SST, Qualidade e Ambiente;
  • Responsável na área da Segurança e Saúde do Trabalho;
  • Técnico de Proteção Civil ao nível das Autarquias Locais;
  • Técnico de Segurança e Higiene do Trabalho;
  • Técnico Superior em órgãos da Administração Central, Regional e Local;
  • Técnico Superior da Proteção Civil;
  • Docente e/ou investigador.

 

Para além de competências de carácter específico, pretende-se reforçar os valores sociais e culturais de:

  • Abertura à mudança e inovação;
  • Empreendedorismo;
  • Responsabilização ética, profissional e social;
  • Aprendizagem ao longo da vida com elevado grau de autonomia;
  • Capacidade de comunicação, tanto para públicos especialistas, como para não especialistas;
  • Postura crítica, construtiva, criativa e de rigor;
  • Sensibilidade aos aspetos humanos, sociais, económicos e ambientais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.