Planeamento e Condução de Obra

LOGO Logo curso eduportugal

COMEÇO:
setembro
INSTITUIÇÃO DE ENSINO:
IPLUSO | EET
ID:
CT
CREDITOS:
120

Instituições de Ensino:

Endereço

Campo Grande 376, 1749-024 Lisboa   Ver mapa

Apresentação

A queda acentuada do setor da construção civil observada a partir de 2009 marcou uma viragem neste setor, nomeadamente a passagem da construção nova para reconstrução e reabilitação de edifícios. Esta passagem foi impulsionada pelo forte crescimento do turismo e pela criação das Áreas de Reabilitação Urbana (ARU) por parte das câmaras municipais. Beneficiando da nova legislação, que possibilita a criação das ARU, as câmaras municipais criaram processos de revitalização dos núcleos históricos, que também vieram impulsionar o setor da construção. Estes processos têm sido estimulados por vários fundos europeus (ex. JESSICA) que se traduzem em inovadores instrumentos de engenharia financeira com o objetivo de financiar projetos concretos de reabilitação urbana. As próprias revistadas da especialidade e os próprios meios de comunicação social vão libertando sinais concretos de que o sector do imobiliário, e consequentemente da construção, está em franca recuperação.

A noção de sustentabilidade na reabilitação de edifícios trouxe exigências ao nível da proteção ambiental, dos consumos energéticos e da valorização patrimonial, pelo que se exige maior formação dos técnicos na construção nestes domínios. Portanto, nos próximos anos vamos assistir em Portugal à proliferação de empresas de construção de nível médio, vocacionadas para reabilitação urbana e com reduzido número de trabalhadores com formação.

Neste contexto, o planeador e condutor de obra tem um papel valorizado, na medida em que o mesmo é obrigado a tomar decisões não planeadas em obra, em virtude do reduzido quadro técnico de formação superior e em virtude do processo de reabilitação que em si acrescenta imprevisibilidade no faseamento construtivo. Além disso, sendo esta uma formação de cariz eminentemente técnica, a sua empregabilidade deve ser avaliada num contexto amplo de evolução do setor da construção. A relevância crescente da reabilitação urbana, aponta para um potencial de empregabilidade futuro que em muito extravasa os por si já positivos dados atuais, sendo o Curso Técnico Superior Profissional de Planeamento e Condução de Obra, do Instituto Politécnico da Lusofonia, uma formação de essencial e fundamental para colmatar a necessidade de profissionais especializados nesta área.

 

Objetivos

Formar técnicos profissionais aptos a planear, organizar e coordenar atividades de condução de obra nova e de reabilitação, de acordo com princípios fundamentais de qualidade, segurança e sustentabilidade na construção civil.

 

Saídas Profissionais

  • O Técnico Profissional de Planeamento e Condução de Obra pode desempenhar funções em empresas que desempenhem atividades na área da construção civil, projeto e arquitetura, Câmaras Municipais, empresas imobiliárias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.