Ensino de Português Língua Não Materna

NOVA FCSH logótipo eduportugal

COMEÇO:
setembro
INSTITUIÇÃO DE ENSINO:
FCSH NOVA
ID:
PG
CREDITOS:
60

Instituições de Ensino:

Endereço

Avenida de Berna, 26-C / 1069-061 Lisboa   Ver mapa

Apresentação do Curso

A Pós-Graduação em Ensino de Português Língua não Materna dirige-se particularmente (mas não exclusivamente) a profissionais da área da educação: professores de português do sistema educativo nacional e de países de língua oficial portuguesa, leitores de português no estrangeiro e outros agentes educativos.

Tem como principal finalidade reforçar a formação destes públicos, no sentido de os dotar de conhecimentos e competências que tornem mais efetiva a sua prática educativa com alunos que não têm o português como língua materna. Em particular, a Pós-Graduação visa reforçar a formação nas seguintes áreas: aquisição de língua não materna, linguística do português, ensino/aprendizagem de português como língua não materna, educação intercultural e avaliação das aprendizagens.

 

Objetivos do Curso

  • Pretende-se que os estudantes desenvolvam os seguintes conhecimentos e competências:
  • Conhecimento de conceitos e questões pertinentes no âmbito do ensino/aprendizagem de língua não materna;
  • Conhecimento da documentação e instrumentos de referência para o ensino/aprendizagem de (português) língua não materna;
  • Capacidades de descrição e análise linguística do português;
  • Conhecimentos sobre as especificidades do funcionamento do português em diferentes contextos geográficos, políticos e sociais;
  • Conhecimentos sobre o processo de aquisição do português como língua não materna numa perspetiva de aplicação ao ensino;
  • Conhecimento de metodologias específicas de ensino de língua não materna;
  • Capacidade de adaptar os conteúdos e as estratégias adotadas na aula ao perfil específico dos alunos;
  • Conhecimento de materiais e recursos existentes para o português língua não materna
  • Capacidade de avaliar criticamente, adaptar e construir materiais e recursos didáticos em função do contexto de ensino, dos objetivos de aprendizagem e do perfil dos alunos;
  • Conhecimento de diferentes tipos de práticas de avaliação e capacidade de desenvolver instrumentos de avaliação de português língua não materna adequados ao perfil específico do público-alvo;
  • Capacidade de trabalhar o português como língua veicular para outras disciplinas do currículo escolar;
  • Capacidade de reconhecer a importância da educação intercultural no trabalho a desenvolver em contextos multilingues;
  • Capacidade de refletir criticamente sobre a sua própria prática pedagógica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.