Saúde Ambiental

Download da Brochura

COMEÇO:
09/2019
INSTITUIÇÃO DE ENSINO:
IPL | ESTESL
ID:
LC
CREDITOS:
240

Instituições de Ensino:

Endereço

School of Health Technology Lisbon Av. Dom João II Lote 4.69.01, 1990-096 Lisboa, Portugal   Ver mapa

Categorias

Licenciatura

Objetivos

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, a Saúde Ambientalaborda os aspetos da saúde e qualidade de vida humana, determinados por fatores ambientais, quer sejam eles físicos, químicos, biológicos, biomecânicos ou psicossociais, referindo-se também à teoria e prática de avaliação, prevenção, mitigação e controlo dos fatores que presentes no ambiente podem afetar de forma adversa a saúde humana.

A licenciatura em Saúde Ambiental tem em vista dar resposta às necessidades formativas existentes sobre estas questões e de formar profissionais aptos a intervir nestas problemáticas.

O atual Plano de Estudos considera as competências a adquirir designadamente, conhecimentos inerentes às ciências naturais e exatas (biologia, química, física e matemática), às ciências sociais e humanas (sociologia e psicologia), às ciências da saúde (fisiopatologia, saúde pública, saúde ocupacional) e, igualmente importante, a inclusão de conhecimentos mais especializados na área científica de Saúde Ambiental, assegurando a diferenciação acentuada entre outros profissionais.

Durante o processo de formação, são ainda facultadas, as ferramentas que permitem aos estudantes adquirir e procurar aptidões adicionais para que se mantenham atualizados e informados no que concerne ao seu conhecimento técnico e científico. Pretende-se, dessa forma, assegurar que a apreciação dos fatores ambientais seja criteriosa, de modo a identificar e avaliar potenciais fatores de risco para a saúde humana.

As competências adquiridas permitem-lhe, particularmente, exercer um papel relevante no binómio Saúde – Ambiente quer no ambiente em geral, quer em contextos específicos (laboral, escolar, recreativo, etc.).

Deste modo, o licenciado em Saúde Ambiental* na sua atividade profissional pode assumir uma atitude analítica, com capacidade crítica baseada no conhecimento científico. Poderá, igualmente, exercer a sua atividade integrando ou coordenando grupos de trabalhos multidisciplinares nacionais e/ou internacionais visando não só a inovação, mas também a resolução de problemas.

Esta é uma profissão em constante desenvolvimento, cujo campo de ação se situa na área da prevenção da doença e promoção da saúde, através da identificação, avaliação e monitorização dos fatores de risco para a saúde e segurança resultantes da atividade do Homem e, posteriormente, propõe medidas de eliminação e/ou controlo.

 

Saídas Profissionais

  • Saúde pública
  • Gestão ambiental
  • Gestão de resíduos
  • Qualidade do ar interior
  • Segurança alimentar
  • Certificação em qualidade ambiente e segurança
  • Gestão de recursos hídricos e tratamento de efluentes líquidos
  • Controlo da infeção hospitalar
  • Investigação e ensino