Engenharia Civil

COMEÇO:
09/2019
INSTITUIÇÃO DE ENSINO:
UTAD | ECT
ID:
LC
CREDITOS:
180

Instituições de Ensino:

Endereço

Edifício de Engenharias - Polo I Quinta de Prados 5000-801 Vila Real   Ver mapa

Categorias

Licenciatura

Objetivos do Curso

A Engenharia Civil é um dos setores mais importantes da economia portuguesa que absorve continuamente profissionais devidamente habilitados. Neste contexto, a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro oferece uma Licenciatura em Engenharia Civil com a duração de 3 anos (1º ciclo) que visa garantir:
Uma sólida formação em ciências básicas e em ciências de engenharia bem como uma formação preparatória em ciências de engenharia civil que permita formalizar, analisar e resolver, de uma forma integrada uma grande variedade de problemas básicos nos diversos domínios da Engenharia Civil (estruturas; hidráulica; construções civis, geotecnia, vias de comunicação e planeamento territorial);
Uma aplicação das teorias e dos métodos científicos na realização e interpretação dos resultados de programas de cálculo automático e de experimentação laboratorial, tendo em vista a realização futura de trabalhos de investigação e desenvolvimento nos diversos domínios da Engenharia Civil;
Um conjunto de competências transversais no domínio da comunicação, da aprendizagem, da investigação e do trabalho em equipa. Estas competências permitirão desenvolver trabalho em equipas multidisciplinares, com elevado sentido de responsabilidade e respeito pelos princípios da ética e deontologia profissional e comunicar de um modo eficiente o conteúdo e a importância do seu trabalho a uma grande variedade de audiências e através de diversos meios de comunicação.

 

Saídas Profissionais

O grau académico de Licenciado em Engenharia Civil permite:
– Ter equivalência reconhecida em ciclos similares no espaço europeu de ensino superior;
– Aceder a outros graus de ensino nesta instituição ou noutras instituições nacionais e internacionais;
– Obter uma integração profissional em igualdade de circunstâncias com os dos restantes Estados Membros da União Europeia;
– O acesso ao mercado de trabalho exercendo funções conexas com as atividades de engenharia no sector industrial, no sector de serviços, na administração pública, no ensino e na investigação.
– Tornar-se num jovem empresário;
– Comercialização e assistência técnica de produtos e soluções para a construção;
– Formação profissional.