Psicologia nos Cuidados de Saúde Primários

Download da Brochura

COMEÇO:
11/2019
INSTITUIÇÃO DE ENSINO:
ISPA
ID:
PG
CREDITOS:
42

Instituições de Ensino:

Endereço

Rua Jardim do Tabaco, nº34 1149-041 Lisboa   Ver mapa

Categorias

Pós-Graduação

Apresentação do Curso

A intervenção dos psicólogos nos cuidados de saúde primários (CSP) cobre o território nacional no âmbito do Serviço Nacional de Saúde (SNS), nos agrupamentos de centros de saúde (ACES) e unidades locais de saúde (ULS) sendo reconhecida pela sua influência na obtenção de ganhos em saúde. Pode desenvolver-se também nos setores social e privado do sistema de saúde.
O desenvolvimento duma componente coesa e estruturada de intervenção dos psicólogos nos CSP exige abertura para a colaboração interprofissional no quadro da prestação de serviços psicológicos às unidades de saúde familiar, unidades de saúde pública e unidades de cuidados na comunidade e, simultaneamente uma formação especializada que contemple as especificidades desse nível de cuidados.

São hoje internacionalmente reconhecidos os contributos das intervenções psicológicas para a promoção da saúde de e prevenção das doenças, facilitação da adesão a comportamentos saudáveis, autocuidados e adesão medicamentosa, crises pessoais e problemas de adaptação em diferentes fases do ciclo de vida individual e familiar, adaptação às doenças crónicas, cuidados continuados e paliativos, e atividades de desenvolvimento da saúde da comunidade. É nos centros de saúde que decorre a intervenção dos psicólogos, em relação à qual tem-se evidenciado que os custos envolvidos na prestação de cuidados psicológicos traduzem-se em ganhos em menos hospitalizações de pessoas com doença física crónica e/ou perturbações mentais (APA, 2014; OPP, 2011).

A recente publicação do Despacho nº 11347/2017, de 27 de Dezembro, que determina que o modelo de organização da psicologia clínica e da saúde no SNS implica a criação de unidades/serviços autónomos de Psicologia, significa responsabilidade acrescida para os psicólogos no respeitante à implementação de intervenções psicológicas baseadas na melhor evidência. Exige também formação pós-graduada especializada, que não tem existido no País e que contemple não só múltiplas áreas de intervenção mas também as especificidades organizacionais e os desafios do trabalho colaborativo nas equipas multiprofissionais de saúde.
Com as necessárias adaptações ao contexto português, esta Pós-Graduação segue recomendações internacionais e perfil de competências para a formação e treino de psicólogos em CSP e está alinhada com aquele Despacho quando também determina a promoção da realização de estágios profissionais de psicologia no SNS e o reforço das oportunidades formativas pós- graduadas para psicólogos que desempenham funções no SNS.

 

Objetivos

Seguindo recomendações internacionais para a formação e treino em psicologia nos cuidados de saúde primários, esta Pós-Graduação tem como objetivos gerais:

  • Aprofundar conhecimentos sobre o Serviço Nacional de Saúde (SNS) e cuidados de saúde primários em Portugal
  • Aprofundar as especificidades da intervenção dos psicólogos nos CSP, quer na vertente assistencial quer na vertente da sua participação em programas de saúde e na organização
  • Desenvolver e aprofundar competências específicas para o exercício da profissão de Psicólogo em centros de saúde

 

Candidaturas e Inscrições

1ª fase: até 30 de Julho com 50% de desconto na Taxa de Candidatura e 50% no valor da matrícula;

2ª fase: até 2 de Novembro.*.

*Poderão ser admitidas candidaturas e inscrições após a data limite, quando autorizadas pela Direção do Curso.

Taxa de candidatura: 100 euros (Não aplicável a alunos ou diplomados pelo ISPA)
Matrícula/Inscrição Anual: 355 euros

 

Valor Anual

Propina Anual: 1900 euros (ou pagamento em 10 prestações mensais no valor de 190 euros cada)