Como usar as notas do ENEM para estudar em Portugal?

Como usar as notas do ENEM para estudar em Portugal?

Como usar as notas do ENEM para estudar em Portugal?

O MEC divulga as notas do ENEM 2019 no dia 17 de janeiro

 

Uso da nota do ENEM

Com notas a partir de 475 pontos, o estudante brasileiro pode concorrer a vagas em instituições públicas e privadas em Portugal. Geralmente, são válidas as notas do ENEM dos últimos 3 anos, portanto, 2019, 2018 e 2017.

Há algumas instituições portuguesas que aceitam notas dos últimos 5 anos.

 

ENEM em Portugal

As instituições de ensino superior portuguesas, sejam públicas ou privadas, aceitam as notas do ENEM como forma de ingresso, ou seja, para o processo seletivo de vagas para o contingente do Estudante Internacional.

Isso significa que 30% das vagas das licenciaturas e mestrados integrados em Portugal ficam reservadas aos Estudantes Internacionais, situação na qual o estudante brasileiro se enquadra.

Lembre-se que para utilizar o ENEM é preciso atender às regras do Estatuto do Estudante Internacional.

 

Como saber se as suas notas são suficientes?

Cada instituição apresenta as regras de uso das notas do ENEM nos seus regulamentos ou editais.

Nem todas as notas das provas do ENEM são utilizadas para o processo seletivo. Então, vamos entender isso na prática.

Se um estudante pretende ingressar para a Graduação de Direito da Universidade de Coimbra, por exemplo, serão considerados os seguintes pesos nas provas de:

Redação: 45% + Ciências Humanas e suas Tecnologias: 45% + Nota Global do ENEM: 10%

O resultado deve ser igual ou superior a 600 pontos, para que o estudante esteja apto a participar do processo seletivo da Universidade de Coimbra.

Cada universidade tem suas regras de ponderação das notas do ENEM para o curso pretendido. Portanto, cabe uma análise criteriosa do curso pretendido nas diversas instituições portuguesas antes de decidir onde, de fato, pretende se candidatar. É neste sentido que a EduPortugal oferece a assessoria nas candidaturas aos interessados em estudar em Portugal.

Psiu! A taxa de aceitação dos estudantes que passam pela assessoria da EduPortugal é de 100%.

 

Documentos Necessários

Além das notas oficiais do ENEM, o estudante deve apresentar o certificado e o histórico de conclusão do ensino médio com Apostilha de Haia. Em alguns casos, há universidades que exigem a equivalência do ensino médio brasileiro ao ensino secundário português.

 

Bolsas de Estudos

Há algumas universidades que concedem Bolsas de descontos para estudantes da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (CPLP). Logo, ao ser aceito como estudante brasileiro em uma instituição que a concede, o desconto é automaticamente atribuído e varia entre 50% a 60% de desconto. É o caso da Universidade dos Açores (UAc), Politécnico de Lisboa (IPL), Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa (FCT Nova), entre outras.

Não há bolsas integrais para estudantes internacionais em Portugal.

 

Brasileiro com Dupla Nacionalidade Europeia

O Estatuto de Estudante Internacional prevê que o estudante com dupla cidadania europeia não pode concorrer a vagas com as notas do ENEM. Neste caso, o estudante deve cumprir as mesmas regras de ingresso do estudante nacional português, ou seja, realizar as provas de ingresso ao ensino superior pelo Exame Nacional de Portugal que ocorre todos os anos nos meses de junho e julho.

A grande vantagem dessa forma de ingresso diz respeito ao valor anual da universidade, pois o estudante pagará o valor igual a um estudante nacional, o que acaba por ser muito mais baixo do que o valor anual para o estudante internacional, exclusivamente nos casos das instituições públicas portuguesas.

Descubra as vantagens do serviço Kit do Exame Nacional.

 

Ficou com dúvida? Quer saber mais sobre algum assunto? Fale com a nossa equipe pelo WhatsApp, formulário do site, email ou redes sociais. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *